quarta, 17 de julho de 2024
Facebook Instagram Twitter Youtube TikTok E-mail
48 3191-0403
Segurança
17/05/2019 13h46

Empresários de Imaruí são presos por receptação de toneladas de filés de peixe

De acordo com as investigações, a carga serviu principalmente para saldar dívidas e ser repassada pelos empresários envolvidos na receptação.
Empresários de Imaruí são presos por receptação de toneladas de filés de peixe
A Polícia Civil de Imaruí deflagrou, na manhã desta sexta-feira (17), a “Operação Pescaria” com o objetivo de prender seis empresários do município envolvidos no roubo de uma grande carga de filés de peixes que aconteceu na cidade de Navegantes, no baixo Vale do Itajaí, em dezembro do ano passado. O inquérito policial, concluído em abril, investigou o envolvimento de pelo menos dez empresários de Imaruí que foram denunciados por serem os receptadores da mercadoria roubada em 6 de dezembro de 2018. Segundo informações do delegado responsável pelo caso, Raphael Rampinelli, foram roubadas cerca de 24 toneladas de filés de merluza avaliados em aproximadamente R$ 345 mil. De acordo com as investigações, a carga serviu principalmente para saldar dívidas e ser repassada pelos empresários envolvidos na receptação. Pelo menos dez dos empresários investigados, apurou o inquérito, tiveram envolvimento no crime e poderão responder por “receptação qualificada e associação criminosa” e ainda por falso testemunho, coação no curso do processo, e lesão corporal. A Justiça determinou esta semana que seis dos supostos envolvidos fossem presos preventivamente. Na manhã desta sexta, policiais da Delegacia de Polícia de Imaruí foram as ruas para cumprir os mandados de prisão. Três deles foram cumpridos pelos agentes e outros três, com a prisão decretada, não foram localizados e são considerados foragidos. No início da tarde, o advogado de um dos envolvidos comunicou que seu cliente deverá se apresentar na Delegacia ainda nesta sexta-feira. Os presos foram conduzidos à Unidade Prisional Avançada de Laguna, onde ficarão à disposição da Justiça. A operação foi coordenada pela delegada de polícia Patrícia Fronza que contou com o apoio das equipes das Delegacias de Polícia de Imbituba, Garopaba e da Divisão de Investigação Criminal (DIC), de Laguna, todas unidades da 18° Delegacia Regional de Polícia, de Laguna. As equipes continuam em diligência com o objetivo de cumprir os dois mandados de prisão preventiva expedidos pelo Judiciário pendentes. Com informações de Portal A Hora
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

HC Notícias
48 3191-0403
48 9 8806-3734
Rua Altamiro Guimarães, 50
88701-300 - Centro - Tubarão/SC
Hora Certa Notícias © 2019. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.