sábado, 26 de setembro de 2020
Facebook Instagram Twitter Youtube E-mail
48 3191-0403
Tubarão
27 ºC 14 ºC
Segurança
07/11/2018 14h47

Júri dos acusados por morte de içarenses é remarcado

Paulo e Solange foram encontrados às margens da rodovia. Eles foram torturados e mortos. O carro foi incendiado com o casal ainda vivo.
Júri dos acusados por morte de içarenses é remarcado
O julgamento dos acusados de matar o casal içarense Paulo César Raichaski, 42 anos, e Solange de Lima Vargas, 35, está marcado para o dia 26 deste mês às 9h30min. A primeira Sessão do Tribunal do Júri na 1ª Vara Criminal de Canoas, no RS, onde os corpos foram encontrados, estava marcada para o dia 4 de outubro, mas foi cancelada porque dois dos réus tiveram processos encaminhados para ser respondidos pela Defensoria Pública.

Recentemente a defesa de um dos acusados apresentou pedido de liberdade provisória, alegando excesso de prazo de prisão preventiva, no entanto a petição foi negada. Um dos motivos que levaram à negação foi a complexidade do processo, que possui seis réus, dos quais dois já morreram, e mais de 30 testemunhas arroladas.

Carbonizados vivos

Paulo e Solange foram encontrados mortos no dia 26 de agosto de 2015 às margens da BR-448, em Canoas. A Polícia Civil do Rio Grande do Sul elucidou o caso após um exame de DNA ter confirmado a identidade do casal que estava carbonizado.

Eles foram atraídos por um dos criminosos até São Leopoldo (RS) para fechar o pagamento de uma casa vendida por Paulo. Como não aceitaram a forma de pagamento imposta pelos compradores, foram torturados e mortos. Segundo a Polícia, o carro deles foi incendiado com o casal ainda vivo.

Fonte: Dn Sul Criciúma
Foto: Diário de Canoas/RS/Divulgação HC Notícias
PUBLICIDADE

HC Notícias
48 3191-0403
48 9 8806-3734
Rua Altamiro Guimarães, 50
88701-300 - Centro - Tubarão/SC
Hora Certa Notícias © 2019. Todos os direitos reservados.
Demand Tecnologia