terça, 22 de outubro de 2019
Facebook Instagram Twitter Youtube E-mail
48 3191-0403
Geral
20/10/2018 17h16

A medula pegou! Pais de Tubarão comemoram sucesso de transplante na filha de 2 anos

Diagnosticada com uma doença crônica rara, Heloísa Espíndola Leal, de 2 anos, passou por um transplante de medula óssea nos últimos dias e neste sábado, 20, família divulgou nas redes sociais a aceitação positiva do procedimento.
A medula pegou! Pais de Tubarão comemoram sucesso de transplante na filha de 2 anos
A pequena Heloísa Espíndola Leal, a Helô, de 2 anos, de Tubarão, desde os primeiros meses de vida luta contra um câncer na medula óssea. Ela foi diagnosticada com leucemia mielomonocítica juvenil (LMJ), uma doença crônica rara. Devido ao alto custo com os exames e procedimentos médicos, familiares e amigos iniciaram uma campanha nas redes sociais e neste sábado, 20, comemoraram mais uma vitória dessa guerreira. Ela passou por um transplante de medula nos últimos dias e o procedimento apresentou bons resultados. "Quanta felicidade meu Deus. A medulinha da nossa guerreira pegou graças a Deus. Não existem palavras suficientes nesse momento para agradecer. Só quem passa por isso sabe o que estou falando", comemora a mãe da menina, Sabrina Fermino Espíndola, nas redes sociais. O tratamento continua no Hospital de Câncer de Barretos
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
- Hospital do Amor, no interior de São Paulo. Ela ficará mais alguns dias internada. Depois, a medula será acompanhada de perto pelos médicos. "Mas um passo já foi dado. A pegada da medula já aconteceu. Agora, é cuidar muito dela para que em breve esteja curada por completa. Doador, obrigada. Você não sabe e nem imagina o quão bem fez para nossa filha a sua atitude", agradece a mãe. A doença A leucemia mielomonocítica juvenil é bastante rara. Por isso, tem sido difícil o seu estudo, e não há nenhum tratamento quimioterápico padrão para esta enfermidade. O transplante de células-tronco é o tratamento de escolha, quando possível, uma vez que oferece a melhor chance de cura. Cerca da metade das crianças com LMJ que recebem o transplante estão livres da leucemia.  

HC Notícias
48 3191-0403
48 9 8806-3734
Hora Certa Notícias © 2019. Todos os direitos reservados.
Demand Tecnologia