domingo, 14 de julho de 2024
Facebook Instagram Twitter Youtube TikTok E-mail
48 3191-0403
Geral
03/07/2024 17h16

'Vou perder a minha vida, mas não vou perder a vida de quem está nos carros', diz caminhoneiro que evitou engavetamento no Paraná

Segundo DER-PR, obra em trecho de pare-e-siga na PR-160 estava mal sinalizada
'Vou perder a minha vida, mas não vou perder a vida de quem está nos carros', diz caminhoneiro que evitou engavetamento no Paraná

O caminhoneiro Osni Antônio de Oliveira protagonizou um ato heroico ao evitar um engavetamento na rodovia PR-160, no trecho entre Curiúva e Telêmaco Borba, nos Campos Gerais do Paraná. O incidente, registrado em vídeo por outro caminhoneiro, ocorreu na última segunda-feira (1º) durante obras na pista.

 

Osni, que se deparou com veículos parados na pista e uma carreta à frente, tomou uma decisão arriscada para evitar um acidente maior. “Quando eu vi o carro branco parado e a carreta, eu pensei: ‘Ai, meu Deus, o que será que eu faço agora? Bato no carro ou jogo pro mato?’. Daí, veio a ideia de jogar pro mato. Eu falei: ‘Eu vou perder o caminhão e vou perder a minha vida, mas não vou perder a vida de quem está nos carros’. Foi o que eu pensei no momento!”, relatou.

 

A falta de sinalização adequada na descida dificultou a percepção do bloqueio a tempo de parar o caminhão. “É uma descida até meio forte e a sorte é que eu estava em baixa rotação, descendo bem devagar. Quando eu fiz a curva eu vi o trânsito parado, mas, lá no alto, não tinha sinalização nenhuma”, lembrou Oliveira. No vídeo, um trabalhador por pouco não é atropelado ao desviar do caminhão.

 

PUBLICIDADE

O Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER-PR) afirmou que a empresa responsável pela obra, Eco Sul Brasil Construtora Eireli, “não seguiu os padrões de sinalização de tráfego e segurança exigidos para este tipo de operação”. O DER-PR já havia acionado a empresa para suspender as atividades até que a sinalização fosse adequadamente providenciada.

 

 

PUBLICIDADE

O DER-PR ressaltou que todos os serviços contratados são supervisionados por engenheiros para garantir a conformidade com as normas de segurança. “Em caso de não-conformidade, a empresa é acionada para realizar as correções necessárias, garantindo a qualidade e segurança da obra”, explicou o órgão. A investigação sobre o incidente prossegue, e os responsáveis deverão prestar esclarecimentos sobre o ocorrido.


HC Notícias
48 3191-0403
48 9 8806-3734
Rua Altamiro Guimarães, 50
88701-300 - Centro - Tubarão/SC
Hora Certa Notícias © 2019. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.