quinta, 20 de junho de 2024
Facebook Instagram Twitter Youtube TikTok E-mail
48 3191-0403
Geral
23/05/2024 10h12

No País: 'Achei que era correspondido', diz personal suspeito de crime sexual

Prints mostram que Bruno Fidelis tentou convencer a jovem a não denunciar o caso. Segundo a defesa, após a prisão, a Justiça determinou a soltura do personal, que é investigado por importunação sexual
No País: 'Achei que era correspondido', diz personal suspeito de crime sexual

O personal trainer Bruno Fidelis, suspeito de importunação sexual contra uma aluna durante uma avaliação física, pediu desculpas a ela por mensagem de texto. Nas mensagens, divulgadas pela Polícia Militar de Caldas Novas (GO), o personal também tentou convencer a jovem de 22 anos a não denunciar o caso. 

 

“Me perdoa. Eu achei que estava sendo correspondido. Eu quem me enganei (sic)”, escreveu o personal, ao ser confrontado pela aluna. 
“Eu nunca te dei liberdade”, respondeu a jovem. 
PUBLICIDADE

O caso ocorreu na tarde de terça-feira (21), e o homem foi preso no mesmo dia, em Caldas Novas. A defesa do personal trainer informou que a Justiça de Goiás determinou a soltura de Bruno. Por isso, a audiência de custódia que estava prevista para quarta-feira (22), não aconteceu. 

 

PUBLICIDADE

Quanto aos prints, a defesa do suspeito diz que “em momento algum houve conotação de ameaça, coação ou constrangimento, mas simplesmente um ato de buscar esclarecer os fatos”. À TV Anhanguera, o delegado Alex Miller explicou que os prints devem ser investigados.


HC Notícias
48 3191-0403
48 9 8806-3734
Rua Altamiro Guimarães, 50
88701-300 - Centro - Tubarão/SC
Hora Certa Notícias © 2019. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.