sábado, 20 de julho de 2024
Facebook Instagram Twitter Youtube TikTok E-mail
48 3191-0403
Geral
18/04/2024 14h25

Brasil: laudo do IML revela causa da morte, mas não conclui se idoso chegou morto em agência bancária

De acordo com o documento, o homem morreu entre 11h30 e 15h20 de terça-feira (16)
Brasil: laudo do IML revela causa da morte, mas não conclui se idoso chegou morto em agência bancária

Com informações de Correio Brasiliense


O laudo do Instituto de Medicina Legal (IML) não conclui se Paulo Roberto Braga morreu dentro da agência bancária em Bangu (RJ) ou se já foi levado sem vida para o local. 

 

Na tarde de terça-feira (16), a sobrinha do idoso, Érika de Souza Vieira Nunes, de 42 anos, foi presa após tentar tirar um empréstimo de R$ 17 mil no banco em nome do morto. 

 

A conclusão do perito que assinou o laudo é que "não há elementos seguros para afirmar, do ponto técnico e científico", se o idoso morreu no trajeto, no interior da agência bancária ou então foi levado morto para o local.

PUBLICIDADE

De acordo com o documento, Paulo morreu entre as 11h30 e 15h20 de terça-feira por broncoaspiração de conteúdo estomacal e falência cardíaca. Ele tinha 68 anos.

 

O idoso foi levado por Érika de Souza Vieira Nunes, de 42 anos, para retirar um empréstimo de R$17 mil em uma agência de Bangu. Ela se apresentou como cuidadora do idoso e também apontou ser prima ou sobrinha de consideração dele.

 

A polícia acredita que o idoso estaria morto duas horas antes de Érika ser atendida na agência, segundo informações publicadas pelo g1. O delegado Fábio Luís, titular da 34ª DP, disse que livores cadavéricos encontrados no corpo do homem indicam que ele deve ter morrido deitado. 

 

PUBLICIDADE

Os livores são acúmulos de sangue decorrentes da interrupção da circulação, que se acumularam na nuca de Paulo, o que pode indicar que ele estava na posição horizontal quando morreu.


HC Notícias
48 3191-0403
48 9 8806-3734
Rua Altamiro Guimarães, 50
88701-300 - Centro - Tubarão/SC
Hora Certa Notícias © 2019. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.