sábado, 20 de julho de 2024
Facebook Instagram Twitter Youtube TikTok E-mail
48 3191-0403
Geral
27/02/2024 14h27

Faustão foi submetido a um transplante de rim, confirma hospital

Apresentador também passou por um transplante de coração há seis meses no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, onde está hospitalizado no momento
Faustão foi submetido a um transplante de rim, confirma hospital

O apresentador Fausto Silva, o Faustão, foi hospitalizado no domingo (25) no Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo. A causa da internação foi um transplante de rim após o agravamento de uma doença renal crônica, afirmou o hospital em boletim divulgado nesta terça-feira (27). Segundo o comunicado, o procedimento ocorreu na manhã de segunda-feira (26) sem intercorrências.


"O paciente seguirá em observação para acompanhamento da adaptação do órgão e controle clínico", diz o boletim assinado pelos médicos Marcelino Durão, nefrologista e coordenador médico de transplante renal do Hospital Israelita Albert Einstein; Sérgio Ximenes, urologista e membro da equipe de transplante renal do Hospital Israelita Albert Einstein; Fernando Bacal, cardiologista do Hospital Israelita Albert Einstein e Miguel Cendoroglo Neto, diretor médico de serviços hospitalares e prática médica do Hospital Israelita Albert Einstein.

PUBLICIDADE
De acordo com o boletim, o procedimento foi realizado após o Einstein ter sido acionado pela Central de Transplantes do Estado de São Paulo e ter realizado a avaliação sobre a compatibilidade do órgão doado. O apresentador recebeu o novo rim cerca de seis meses após ter sido submetido a um transplante de coração devido a um grave quadro de insuficiência cardíaca.


O caso de Faustão, em que um transplantado precisa de um novo órgão renal não é raro. No Estado de São Paulo, para se ter uma ideia, dos 2 mil transplantes renais ocorridos em 2023 pelo Sistema Único de Saúde (SUS), 34 foram de uma pessoa já transplantada de outro órgão que precisou receber um rim tempos depois.

PUBLICIDADE

Essa situação faz o paciente se tornar prioridade e ser colocado no início fila de espera pela cirurgia, explica o nefrologista e professor da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) José Osmar Medina Pestana, diretor do Hospital do Rim, também no estado paulista.


HC Notícias
48 3191-0403
48 9 8806-3734
Rua Altamiro Guimarães, 50
88701-300 - Centro - Tubarão/SC
Hora Certa Notícias © 2019. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.