terça, 28 de maio de 2024
Facebook Instagram Twitter Youtube TikTok E-mail
48 3191-0403
Geral
25/01/2024 10h36

Filme resgata histórias de lavadeiras de Imbituba em obra que mistura ficção e documentário

'Aguada: histórias de lavadeiras' será lançado nesta sexta-feira (26), com exibição no Museu da Baleia Franca
Filme resgata histórias de lavadeiras de Imbituba em obra que mistura ficção e documentário

O filme “Aguada: histórias de lavadeiras” será lançado nesta sexta-feira (26). O projeto apresenta memórias e histórias das antigas lavadeiras de Imbituba, no Sul de Santa Catarina. Realizado com recursos do Edital Elisabete Anderle 2022, da Fundação Catarinense de Cultura, a obra será exibida pela primeira vez no Museu da Baleia Franca, na Praia do Porto, na cidade de Imbituba, às 19h, com entrada gratuita.


O média metragem faz uma pesquisa sobre a história de mulheres que, durante mais de 80 anos, sustentaram famílias e contribuíram para a manutenção da sociedade da época. Idealizado pela atriz e produtora Alana Meneghel, o filme apresenta entrevistas com lavadeiras, familiares, pesquisadores e antigos moradores, dando voz a pessoas que tiveram suas vidas transformadas com a instalação da Indústria Carboquímica Catarinense - ICC.


“Fiquei extremamente emocionada e comovida com a história dessas mulheres que construíram a sociedade de Imbituba, mas que ficaram invisíveis na história. Mulheres que são fontes de inspiração para todas nós, por sua força, determinação e conexão com a natureza. Fiquei muito feliz em poder ouvir suas histórias e registrá-las para que as futuras gerações possam ter acesso a todo esse patrimônio imaterial”, relata Alana.

PUBLICIDADE

O projeto inspirou-se nos trabalhos de Nilsa Oliveira, que é filha de lavadeira e artista plástica. Nilsa produziu uma série de pinturas retratando as mulheres e, em 2019, lançou o livro “A praia do Porto e as lavadeiras”, em que trouxe histórias do bairro e de seus habitantes.


Além dos registros de entrevistas, o projeto recriou cenas cotidianas e histórias coletadas de modo ficcional e experimentando certa liberdade poética.


“A memória e as histórias populares são essenciais para a manutenção das culturas locais. Pesquisar e registrar a presença dessas mulheres foi uma forma de preservar uma identidade, num momento em que, pela enxurrada tecnológica, estamos, enquanto sociedade, perdidos, sem saber quem somos ou pra onde vamos”, destaca Libertu, diretor do projeto.


A exibição de estreia do filme será realizada no Museu da Baleia Franca, às 19h, com entrada gratuita. Outras datas de exibição estão sendo programadas e serão divulgadas em breve, além da inscrição em festivais. Para acompanhar informações, o projeto pode ser acompanhado pelas redes sociais no @aguada.

PUBLICIDADE
Sinopse


Uma mulher olha para a lagoa e comenta sobre a vida. O sol começa a subir no horizonte. Outras mulheres carregam trouxas na cabeça em direção a fonte. O primeiro trem da manhã passa apitando. Uma mulher idosa conta sobre seu antigo ofício. Resultado de uma pesquisa que resgatou histórias das Lavadeiras de Imbituba e mesclando documentário e ficção, o média metragem de 49 min. revela através de algumas das histórias passadas na localidade conhecida como “Aguda”, a vida cotidiana das lavadeiras em seu ofício. As personagens compartilham suas alegrias e dificuldades, convidando o público para as experiências mais marcantes. O resultado são histórias dentro de uma história, que falam sobre questões ambientais, sociais e econômicas, através da memória direta e de um jogo de linguagem cinematográfica que possui como fio condutor a vida das lavadeiras.


O filme possui acessibilidade através de Legendagem, Libras e Audiodescrição. 


Local da exibição: Museu da Baleia Franca - Praia do Porto - Imbituba/SC

Hora: 19h

Entrada Gratuita


HC Notícias
48 3191-0403
48 9 8806-3734
Rua Altamiro Guimarães, 50
88701-300 - Centro - Tubarão/SC
Hora Certa Notícias © 2019. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.