segunda, 19 de agosto de 2019
Facebook Instagram Twitter Youtube E-mail
48 3191-0403
Geral
20/09/2018 10h33

"Tabelamento do frete não é sustentável e deve ser revisto", afirma ministro

Guardia ressaltou ainda que a subvenção ao diesel, válida até o fim do ano, terá que voltar a ser debatida.

O ministro da Fazenda, Eduardo Guardia, disse que o governo sabe que o tabelamento do frete rodoviário de cargas é insustentável e terá de voltar a discutir o tema. Segundo o ministro, a decisão de editar a medida provisória do frete foi tomada em um contexto extremamente complexo da greve dos caminhoneiros, em maio. “Eu já disse publicamente várias vezes, sabemos que o tabelamento de frete não é algo que é sustentável. Esse é um tema que precisará ser enfrentado, que está em discussão no judiciário, está no Supremo [Tribunal Federal] para que possa eventualmente ter uma solução que venha do judiciário”,
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
disse o ministro. Guardia ressaltou ainda que a subvenção ao diesel, válida até o final do ano, terá de voltar a ser debatida. “Vamos precisar enfrentar essa questão porque a partir do ano que vem nós não teremos mais subvenção [no preço do diesel]. A gente precisa, agora, com tempo, ter soluções mais estruturantes para esse problema”, acrescentou. De acordo com o ministro, uma saída para a questão passa por uma maior competição no setor do refino de combustíveis e pela criação de um mecanismo que permita que os tributos absorvam a variação de preço dos combustíveis. Fonte : Agência Brasil Foto: Marcelo Camargo/AB/Divulgação HC

HC Notícias
48 3191-0403
48 9 8806-3734
Hora Certa Notícias © 2019. Todos os direitos reservados.
Demand Tecnologia