quarta, 12 de junho de 2024
Facebook Instagram Twitter Youtube TikTok E-mail
48 3191-0403
Geral
07/08/2019 23h38

Energia Solar: uma solução que vem do céu

Energia solar pode contribuir com a dependência energética dos centros urbanos
Energia Solar: uma solução que vem do céu
Os brasileiros poderiam pagar bem menos pelo consumo de energia se as concessionárias investissem mais na radiação solar, tornando esse sistema de geração mais acessível aos usuários. A opinião é do professor da Unisul, Jorge Alberto Lewis Esswein Junior, engenheiro de controle e automação, que pontua como indispensáveis as atividades de pesquisa e estágios desenvolvidas na área pelos alunos de Engenharia Elétrica no Parque Encantos do Sul, mantido pela Engie em Capivari de Baixo. “A sociedade está altamente dependente da energia elétrica, enquanto o uso do sistema de geração solar é prático, até porque a matéria-prima, o sol, está disponível para todos os cidadãos”, lembra.

Boa parte do que existe hoje em uma cidade depende direta ou indiretamente do uso de energia elétrica para funcionar. Jorge avalia que essa é uma tendência da tecnologia mundial e que torna a sociedade altamente dependente da eletricidade, apontando que uma possível solução desse problema pode estar na descentralização da produção de energia. “Os picos de carga vêm acontecendo em dias quentes pela alta demanda de ar condicionados. Deste modo, os sistemas fotovoltaicos de geração distribuída entregam para a rede próxima ao local de consumo, durante o dia, uma grande quantidade de energia diminuindo a necessidade de ampliação dos sistemas de distribuição e o carregamento das redes”, completa.

Geração de energia solar

Por ser modular, as placas fotovoltaicas podem ser instaladas em telhados de residências, indústrias, por meio de suportes no alto de prédios, no chão ou até mesmo suspensas sobre a água. E a produção de energia ocorre através da transformação da luz solar em eletricidade. Porém, de acordo com o Operador Nacional do Sistema Elétrico do Brasil (ONS), apenas 1,1% da energia elétrica gerada no Brasil em 2018 foi através do sol. Jorge explica que o desconhecimento dos benefícios a longo prazo contribui com a estatística.

“Os grandes benefícios da energia solar são a baixa manutenção e a facilidade de operação destes equipamentos, a durabilidade, a redução da emissão dos gases de efeito estufa. Além disso, o sistema tem em média uma vida útil de 20 anos que compensa o investimento inicial de instalação. O consumidor pode aderir ao sistema de compensação que distribuiu a energia gerada e não consumida na rede de distribuição, deixando em créditos para serem abatido do consumo de tal unidade ou de outra de mesma titularidade em um prazo de até 60 meses”, acrescenta.

Parceria

O curso de Engenharia Elétrica da Unisul conta, desde abril de 2019, com uma parceria técnico-científica com a Associação Jorge Lacerda (AJL) para estudo da energia solar. O acordo permite que os estudantes da Universidade realizem atividades de pesquisa e estágios no espaço da geração de energia fotovoltaica localizado no Parque Ambiental Encantos do Sul, em Capivari de Baixo. A iniciativa colabora com a divulgação de conhecimentos sobre a geração de energia solar para tornar ela uma opção na manutenção do fornecimento de energia elétrica no Brasil.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Fonte: Unisul
HC Notícias
48 3191-0403
48 9 8806-3734
Rua Altamiro Guimarães, 50
88701-300 - Centro - Tubarão/SC
Hora Certa Notícias © 2019. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.