sábado, 15 de junho de 2024
Facebook Instagram Twitter Youtube TikTok E-mail
48 3191-0403
Geral
09/03/2019 21h00

Apagão na Venezuela deixa 13 mortos em hospital; já são quase 48h sem luz

Mortes aconteceram em um hospital estadual em Monagas, estado do nordeste do país; denúncia foi feita, via Twitter, por um médico da unidade.
Apagão na Venezuela deixa 13 mortos em hospital; já são quase 48h sem luz
Pelo menos 13 pessoas morreram em um hospital estadual em Monagas, no nordeste da Venezuela, devido ao apagão de energia elétrica que atinge o país desde a última quinta-feira (7). A notícia dos falecimentos foi dada pelo médico local Julio Castro, via Twitter, neste sábado (9). De acordo com Castro, até o momento, o Hospital Manuel Núñez Tovar contabilizou nove mortes no setor de emergência, duas no departamento de obstetrícia, uma na ala de traumatismos e outra na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) neonatal. O boletim foi escrito pelo médico às 11h30 deste sábado (12h30 no horário de Brasília) na rede social, cerca de 36 horas depois do início do apagão . O médico também informou que o hospital continua " sem luz e sem gerador elétrico" , que os ambulatórios funcionam com "operações reduzidas" e que aparelhos funcionam apenas em alguns locais. A Venezuela está sem energia elétrica desde às 16h50 (17h50 no horário de Brasília) da última quinta-feira (7). O problema foi causado por falhas na hidrelétrica de Guri, principal represa do país. Segundo a imprensa local, 23 dentre os 24 estados foram atingidos. A fim de suprir a falta de energia, as cinco termoelétricas do país estão ativadas desde esta sexta-feira (8). No mesmo dia, escolas foram fechadas e as jornadas de trabalho, suspensaspara “facilitar os esforços de recuperar o fornecimento de energia elétrica no país”, como declarou o vice-presidente Delcy Rodrigues em suas redes sociais. Enquanto isso, o presidente Nicolás Maduro usou sua conta no Twitter para apontar os Estados Unidos como responsáveis pelo apagão. “A guerra elétrica anunciada e dirigida pelo imperialismo americano contra nosso povo será derrotada. Nada nem ninguém poderá vencer o povo de Bolívar e Chávez. Máxima união dos patriotas”, escreveu. Ele ainda usou as redes sociais para agradecer ao trabalho da equipe do Sistema Elétrico Nacional pelo trabalho de recuperação do apagão e agradeceu ao povo venezuelano por resistir com “bravura ao novo ataque dos inimigos da Pátria”. Fonte: IG
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

HC Notícias
48 3191-0403
48 9 8806-3734
Rua Altamiro Guimarães, 50
88701-300 - Centro - Tubarão/SC
Hora Certa Notícias © 2019. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.