quarta, 12 de junho de 2024
Facebook Instagram Twitter Youtube TikTok E-mail
48 3191-0403
Geral
09/03/2019 14h50

Sindicont esclarece dúvidas sobre IR

O Sindicont Tubarão e Região é apoiador da Campanha Declare Certo junto com os cursos de Ciências Contábeis da Unisul e Fucap e Conselho Municipal da Criança e do Adolescente de Tubarão (CMDCA).
Sindicont esclarece dúvidas sobre IR
O Sindicont Tubarão e Região promoveu uma Coletiva de Imprensa nesta sexta-feira (08) para esclarecer eventuais dúvidas sobre as novas exigências para a Declaração do Imposto de Renda, incentivar as doações ao Fundo da Infância e Adolescência (FIA) e lançar a Campanha Declare Certo. O assunto é motivo de muitas dúvidas e, para contribuir com a população, o Sindicont Tubarão e Região é apoiador da Campanha Declare Certo junto com os cursos de Ciências Contábeis da Unisul e Fucap e Conselho Municipal da Criança e do Adolescente de Tubarão (CMDCA). Uma das ações será realizada neste sábado (09), na programação do Dia D, no Centro de Tubarão e, na próxima semana, no Shopping da Unisul (Praça de Alimentação). Esta é uma oportunidade gratuita para se informar e esclarecer situações específicas. Entre as novidades para a declaração do imposto de renda destaca-se a obrigatoriedade de informar o CPF de dependentes e alimentandos de qualquer idade. O declarante deverá informar na declaração a alíquota (porcentagem descontada e que varia de acordo com os rendimentos que a pessoa recebeu); e quem tem conta corrente e aplicação em bancos também vai precisar declarar o CNPJ do banco. Entre as vantagens de realizar a declaração com antecedência está o tempo para concluir a pendência de algum documento, caso falte, e, além disso, quanto mais cedo a declaração for enviada, maior é a chance de receber a restituição do imposto de renda mais cedo. Outra novidade é que, a partir deste ano, os professores terão prioridade nas restituições, assim como os idosos, portadores de doenças graves, doentes físicos e mentais. FIA Os contribuintes ainda podem destinar até 3% do imposto devido para o Fundo da Infância e do Adolescente (FIA). Estes recursos são encaminhados a instituições que tiverem seus projetos aprovados pelo Conselho de Direitos da Criança e do Adolescente. Declaração Neste ano, a Receita Federal estima receber aproximadamente 30 milhões de declarações. A obrigatoriedade é para quem obteve rendimentos tributáveis em 2018 em recursos superiores a R$ 28.559,70. No caso da atividade rural, deve-se considerar quem teve receita bruta acima de R$ 142.798,50; quem tinha, até 31 de dezembro de 2018, a posse ou a propriedade de bens ou direitos de valor total ou superior a R$ 300 mil; aquele que residiu no Brasil em qualquer mês do ano passado, e nessa condição encontrava-se em 31 de dezembro de 2018; e quem optou pela isenção do imposto incidente em valor obtido na venda de imóveis residenciais cujo produto da venda seja aplicado na aquisição de imóveis residenciais localizados no país. A multa para quem não fornecer as contas com as informações solicitadas é de 1% ao mês do imposto devido, com penalidade mínima de R$ 165,74 e máxima de 20% do tributo em débito.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

HC Notícias
48 3191-0403
48 9 8806-3734
Rua Altamiro Guimarães, 50
88701-300 - Centro - Tubarão/SC
Hora Certa Notícias © 2019. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.