terça, 29 de setembro de 2020
Facebook Instagram Twitter Youtube E-mail
48 3191-0403
Tubarão
21 ºC 13 ºC
Geral
12/12/2018 17h30

No Estado: Homem leva mais de 200 picadas de abelhas

 Ao todo, seis pessoas foram atacadas, entre elas crianças.
No Estado: Homem leva mais de 200 picadas de abelhas
Um homem levou mais de 200 picadas de abelhas durante o ataque de um enxame em Palhoça, na Grande Florianópolis. O caso foi registrado na noite desta terça-feira (11), por volta das 19h, na Enseada do Brito. Ao todo, seis pessoas foram atacadas, entre elas três crianças.

Profissionais do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) passavam pelo local para atender outra ocorrência quando viram o homem caído no chão, recebendo as picadas. A equipe usou um extintor para afastar as abelhas. Ele foi enrolado em um cobertor e levado para a viatura para receber atendimento.

Segundo o Samu, testemunhas contaram que o ataque começou porque o homem havia mexido em um sofá onde estavam as abelhas. O móvel estava no quintal de uma casa, que fica próximo a uma creche.

Medicação
Como já estava dando início a um processo alérgico, o homem foi medicado. "Poderia ter tido uma parada cardíaca, fechamento das vias aéreas ou um choque anafilático", disse o socorrista do Samu, Fernando de Aguiar.

Segundo ele, se o socorro não tivesse sido rápido, o homem poderia ter morrido. A vítima foi levada para o Hospital Regional de São José.

Outras vítimas
Durante o atendimento do homem, outras vítimas chegaram à viatura em busca de socorro. Entre elas, três crianças. Duas foram medicadas no local e liberadas. A outra foi levada para o Hospital de Santo Amaro, junto com a mãe e com outra mulher, que também foi picada. O restante foi atendido no local e liberado.

O Corpo de Bombeiros foi acionado e realizou a queima das abelhas. Ao todo, o atendimento contou com duas viaturas da Polícia Militar, duas dos Bombeiros e três do Samu.

Cuidados
Ao notar a presença de abelhas, a orientação é se afastar do local e pedir socorro pelo 193. Em caso de ataque, a recomendação é acionar imediatamente o Samu.

Fonte: G1 SC

Fotos: Samu
PUBLICIDADE

HC Notícias
48 3191-0403
48 9 8806-3734
Rua Altamiro Guimarães, 50
88701-300 - Centro - Tubarão/SC
Hora Certa Notícias © 2019. Todos os direitos reservados.
Demand Tecnologia