sábado, 22 de junho de 2024
Facebook Instagram Twitter Youtube TikTok E-mail
48 3191-0403
Esporte
23/04/2019 12h00

(Vìdeo): Com perna amputada, tubaronense encontrou no futsal um aliado na superação de seus limites

Luan Matos Camilo Tártari, de 6 anos, nasceu com má-formação congênita, mas isso não o impediu de lutar. Ele encontrou no futsal a motivação necessária para se superar e hoje, joga na posição de goleiro.

Aos seis anos de idade, o pequeno Luan Matos Camilo Tártari, de Tubarão, segura a bola de futebol nas mãos e ensina que a vida é feita de lutas e superações. Assim como milhares de crianças brasileiras, Luan é fã de futebol e já definiu sua posição no time: na frente da trave. O pequeno goleiro treina futsal e é apaixonado pelo goleiro Cássio, do Corinthians. O jogador Pakito, do Tubarão Futsal, soube da história de Luan e o convidou para assistir um jogo. Desde então, a paixão pelo futsal só cresceu e com ela a superação de uma deficiência física. Luan nasceu com má-formação congênita. Em novembro de 2015, precisou amputar uma perna, além de não ter todas as costelas e ter apenas 25% do pulmão liberado. Ele só tem três dedos na mão esquerda e no próximo dia 14 de maio passará por uma nova cirurgia de reposição do polegar. Em 2017, a família de Luan promoveu uma campanha para arrecadar recursos para que ele pudesse passar por uma série de cirurgias, já que precisa colocar quatro pinos na coluna, pedaços de ossos, operar a mão esquerda e usar prótese contínua. Apesar de todas as dificuldades, a paixão pelo esporte o ajudou a superar seus limites e depois de tratamentos médicos, hoje, o pequeno leva uma vida saudável, consegue andar, participar da educação física na escola e ainda joga futsal toda a semana. A ausência de uma perna e os problemas de movimentos na mão esquerda não o impedem de defender o gol em frente à trave. “Ele faz tratamentos contínuos com fonoaudiólogo, terapia ocupacional, fisioterapia, ortopedista da mão, da coluna, entre outras atividades. Como não atingimos o valor necessário na campanha para a cirurgia, estamos tentando ter acesso judicialmente. Com o recurso arrecadado investimentos em novos tratamentos e isso já ajudou um pouco na recuperação dele”, relata a mãe Eloar Ceolin Matos. Repercussão Estadual Nesta sexta-feira, 26, é comemorado o Dia do Goleiro, e a história do pequeno ganhará repercussão no Estado. O programa Globo Esporte gravou uma reportagem com o tubaronense que irá ao ar nesta sexta. A produção convidou o goleiro do Tubarão Futsal para fazer uma surpresa à criança durante a reportagem. “O sonho de Luan é conhecer o Cássio do Corinthians e ele quer continuar jogando futsal e ser um atleta”, compartilha o pai Robert Camilo Tartari. Luan é um torcedor assíduo do Tubarão Futsal e, sempre que pode, assiste aos jogos ao lado da família.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

HC Notícias
48 3191-0403
48 9 8806-3734
Rua Altamiro Guimarães, 50
88701-300 - Centro - Tubarão/SC
Hora Certa Notícias © 2019. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.